Notícias

Após 11 anos, mulher revela localização do corpo de Eliza Samudio: “Por isso nunca encontraram”

O caso de Eliza Samudio em 2010 chocou o Brasil. A investigação continuou por muitos anos até que Bruno, o ex-goleiro Flamengo, admitiu ter sido o idealizador do crime para obter o direito de mitigar a punição.

O ex-atleta teve um relacionamento com Eliza Samudio, que acabou engravidando. Bruno Fernandes (Bruno Fernandes) não quis enfrentar uma paternidade da criança, e armou uma emboscada para a modelo. Após o julgamento, o goleiro foi condenado a 22 anos e 3 meses de prisão por homicídio, ocultação do corpo de Eliza e sequestro e prisão de seu filho Bruninho.

Durante a investigação e antes da confissão do autor do crime, a polícia responsável pelo caso apresentou várias hipóteses. Inesperadamente, a defesa do goleiro chegou a confirmar a autenticidade de uma carta. Segundo o advogado de Bruno Fernandez, a carta indicava que Eliza Samudio não foi assassinada, mas mudou de nome, fugiu para a Bolívia e depois fugiu para a Espanha.

1 2Próxima página
Botão Voltar ao topo