TV e Famosos

Anitta toma atitude contra Bruna Karla após declaração sobre homossexuais e deixa público perplexos

A controvérsia sobre a entrevista da cantora gospel Bruna Karla no podcast de Karina Bacchi continua a reverberar neste fim de semana. Embora a entrevista tenha sido veiculada em dezembro do ano passado, ela só agora ganhou destaque nas mídias sociais.

Durante a entrevista com Karina, Bruna disse que ela não canta em igrejas inclusivas ou em casamentos entre pessoas do mesmo sexo. O comentário do cantor teve repercussões nas redes sociais e se tornou um dos temas mais comentados da semana.

Ela foi duramente criticada por inúmeros usuários das mídias sociais, incluindo celebridades como o ex-bbb Gil do Vigor. Em meio a esta onda de críticas, vários líderes religiosos se manifestaram a favor da cantora, que defendeu firmemente sua posição e não se afastou do tema controverso por medo de represálias no ambiente digital.

Em meio a toda esta controvérsia, a cantora funk Anitta também decidiu tomar uma posição contra a cantora Bruna Karla.

Anitta não seguiu Bruna no Instagram e logo depois postou um texto em sua conta no Twitter mostrando sua indignação com os posts da cantora gospel. Em seu texto, Anitta defendeu que não se deve renegar ou desejar a cura de pessoas LGBT. Ela escreveu a seguinte mensagem:

“De uma vez por todas, negar às pessoas LGBTQ+ desejar a cura ou a morte, desejar o fim, a aniquilar as pessoas LGBTQ ou proibir as pessoas LGBTQ de transitarem por um ambiente ou de serem elas mesmas NÃO É CULTURA”. Não existe tal coisa como ‘respeitar a cultura um do outro’, porque isso não é cultura”, disse ele.

Botão Voltar ao topo