Notícias

Alerta! Saiba os sintomas da doença que acometeu Simaria; sintomas, prevenção e tratamento

Temendo por seu futuro e tentando evitar incidentes mais graves, a cantora aprendeu a ouvir seu corpo e respeitar seus limites. Em entrevista, ele explicou que, se não comesse, sua imunidade seria prejudicada. Ele também dá outros detalhes dessa patologia, que pode surgir tranquilamente.

A musa sertaneja reduziu o número de shows e teve muito cuidado. No entanto, tudo isso foi reconsiderado quando ela se submeteu à patologia pela segunda vez em 2019. Há um ano, a irmã de Simone Mendes precisou ser internada no Hospital Círio-Libanês. Tornou-se tão grave que ele se mudou para São Paulo para um melhor tratamento.

A tuberculose linfonodal é uma forma rara de tuberculose que afeta os gânglios linfáticos.

Os sintomas incluem os gânglios linfáticos inchados acima mencionados, especialmente no pescoço, bem como febre baixa, suores noturnos e perda de peso. Pode se espalhar para outras partes do corpo e se generalizar.

O tratamento é semelhante ao da tuberculose comum e requer antibióticos por cerca de seis meses. É importante iniciar o procedimento precocemente para evitar a propagação da doença.

A prevenção da tuberculose ganglionar inclui medidas simples, como a lavagem regular das mãos. Recomenda-se evitar contato próximo com pessoas infectadas e manter um estilo de vida saudável. As pessoas que foram expostas à tuberculose devem ser examinadas regularmente.

Tuberculose é uma doença infecciosa

A tuberculose é uma doença infecciosa e disseminada causada pela bactéria Mycobacterium tuberculosis (também conhecida como Kochella). A doença afeta principalmente os pulmões (forma pulmonar), embora possa afetar outros órgãos e/ou sistemas. A forma extrapulmonar, que afeta outros órgãos além dos pulmões, ocorre com mais frequência em pessoas com HIV, especialmente aquelas com sistema imunológico comprometido.

Apesar de ser uma doença antiga, a tuberculose continua sendo um importante problema de saúde pública. Em todo o mundo, aproximadamente 10 milhões de pessoas desenvolvem tuberculose a cada ano. A doença mata mais de um milhão de pessoas todos os anos. No Brasil, cerca de 70.000 novos casos foram notificados e cerca de 4.500 pessoas morreram de tuberculose.

Botão Voltar ao topo